Revista (anti)Cristianismo Hoje


fogo.jpg image by fisicomaluco

A revista Cristianismo Hoje (CH) começou a mostrar abertamente as suas garras liberais. Digo, abertamente, porque ela nunca fez questão de esconder isso; desde o seu início constatamos em suas publicações um evangelho esquizofrênico impregnado da teologia liberal & emergente. Ocorre que agora o negócio ficou estranho. A prova irrefutável foi o tom jocoso e debochador com que publicaram recentemente a entrevista com o Júlio Severo, com o sugestivo título “Combustão espontânea”.

A revista diz que “Severo é daqueles crentes quixotescos, disposto a lutar contra moinhos que talvez só ele consiga enxergar“. Quixotesco, define-se, é a pessoa sonhadora, inocente e fora da realidade. Para CH, portanto, Júlio Severo está fora da realidade; isso porque a defesa que ele faz contra o movimento homossexual – infere-se – não tem mais respaldo nesse mundo contemporâneo. CH diz ainda que o “tom histriônico dá ao perfil de Julio Severo um contorno incendiário que ele faz questão de alimentar, e não apenas quando fala da homossexualidade. Veja, a revista chama Júlio Severo de histriônico, isto é, alguém perturbado; de personalidade histérica; sensacionalista.

É realmente lamentável esse posicionamento da revista. Além de ter que combater contra o movimento homossexual, os defensores da fé cristã terão agora que se preocupar também com revistas ditas evangélicas que estão a zombar abertamente de cristãos comprometidos, como é o caso de Julio. O aviso que a revista dá com essa atitude é de que o comportamento de Júlio Severo é um absurdo; não sendo necessário esse embate ferrenho contra a causa homossexual. Esse é o problema do evangelho de esquerda. Ele caminha de braços dados com a imoralidade do mundo pós-moderno. É um evangelho social; de boa vizinhança; não institucionalizado; tolerante; liberal e demagogo.

Inicialmente, quando a revista começou a ser publicada no Brasil, imaginei que teria algo a contribuir com o evangelho, tanto que fiz parceria com a mesma aqui no blog. É, mas eu estava errado. A revista deveria se chamar (anti)cristianismo hoje.

Mas, o bom de tudo isso, é que a revista levou uma saraivada dos leitores. Várias pessoas comentaram a entrevista e criticaram ferrenhamente o tom jocoso da publicação. Até o filósofo Olavo de Carvalho apareceu por lá. Ele atirou:

“Vocês falam do Júlio Severo naquele tom de superioridade fingida que é a linguagem por excelência dos fariseus hipócritas. Em vez de ajudá-lo no seu combate, como teriam o dever de fazer, procuram atiçar contra ele a sanha dos maledicentes e os risos dos escarnecedores. Ninguém mais do que eu diverge do Júlio numa infinidade de questões, mas não avalio seres humanos segundo sua semelhança ou dissemelhança comigo, e sim segundo suas qualidades intrínsecas, que no Júlio são grandes e esplêndidas, a começar pela sua coragem e pela sua fé cristã inabalável. A simples omissão dos cristãos em geral diante das perseguições que ele sofre já seria um pecado intolerável, mas vocês foram além da omissão: em vez de dar de beber a quem tem sede, meteram-lhe uma colherada de sal na boca. Capricharam na impiedade. Depois disso, não esperem que, no meu programa “True Outspeak” ou nos meu artigos, eu trate vocês de maneira respeitosa. Quem desrespeita o cristão perseguido torna-se automaticamente indigno de respeito”.

O próprio Julio também não ficou quieto, é claro. Ele apresentou a versão original da sua entrevista dizendo ainda que fez isso sabendo dos riscos. Segundo ele, CH já entreteve em seu meio articulistas esquerdistas bem conhecidos, como Ed René Kivitz, Sérgio Pavarine e Ariovaldo Ramos, que em edição recente fez uma defesa explícita do MST e da terrorista comunista Dilma Russef. Disse, também, que valendo-se de seu direito de livre expressão, a revista Cristianismo Hoje publicou sua entrevista com o desdém que quis.

Mais uma vez, então, reforço meu apoio ao Julio Severo e minha indignação com a Revista (Anti) Cristianismo Hoje.

http://www.comoviveremos.com

Anúncios

11 comentários sobre “Revista (anti)Cristianismo Hoje

  1. Caríssimo Valmir,
    Excelente postagem.
    Assim como o Olavo de Carvalho, tenho minhas divergências em relação ao Julio Severo. Do mesmo modo, tenho ainda mais divergências em relação ao Olavo. Porém respeito e aprovo o trabalho de ambos.
    Quanto ao Julio, tenho ainda a dizer que invejo sua coragem. Eu me propus fazer um blog para tentar dizer algo que acrescentasse a alguém. Terei, provavelmente, meu quinhão de dificuldades (tanto para escrever quanto em relação aos efeitos dos escritos). Mas nada que se compare ao que ele passa pela luta que assumiu para si. Ele merece todo nosso apoio!
    No amor de Cristo,
    Roberto

  2. Caro Roberto,

    De igual modo, também tenho minhas divergências em relação ao Julio. E isso, acredito, é salutar. Nenhum ser humano pensa igual ao outro. Como disse alguém, a unanimidade é burra.

    No caso do assunto homossexualidade, concordo com ele. O movimento está crescendo de forma assustadora.

    Em referência à CH, ela foi longe demais. Uma coisa é discordar do Julio, outra, bem diferente, é zombar dele.

    abç

  3. Essa revista é esquerdista e não deveria ter esse nome uma vez que Ela quer militar em lutas contrárias à Palavra de Deus.

  4. Prezado Valmir, os que apoiam a esquerda estão alimentando o jacaré na esperança de serem comidos por último. Muitos, crendo que já é chegada a Tribulação bíblica, têm medo da perseguição. Porém, há uma pequena profecia que não é compreendida como tal. Paulo fala da ‘unidade da fé’ que deve ser atingida antes daquele período – (Ef.4: 11 em diante). Não se trata de ecumenismo, totalmente diferente. Assim como não há judeu nem grego, não há batista, presbiteriano, católico ou pentecostal – só cristãos, discípulos de Cristo. A prática da vida cristã pode ser diferente; a unidade da fé, não. A ‘igreja’ progressista, tentando fazer média com o mundo, parece crer na conversão do diabo. Usam da Bíblia para fazer discípulos para Marx. Mas Deus sempre tem seu Remanescente fiel que, com oração, pode deter o avanço do mal. Julio Severo não é profeta, mas atalaia. É evidente que o soar da sua trombeta não é agradável; é assustador, até. Mas não pode ser diferente. Ele está apenas cumprindo seu chamado. E muito bem, por sinal.

  5. Valmir, paz!!

    Li a entrevista e também indignei-me com a atitude da”nada cristianismo hoje”… o flerte com a descaração acaba desmascarando o hipócrita… é assim com qualquer um… é evidente que no caso da “nada cristianismo hoje” isso já está evidente desde ontem…

    Solidarizo-me com o Júlio Severo.

  6. Amados não tenho conhecimento da revista Cristianismo hoje, entretanto embasado nas suas informações da situação é lamentável(mas já esperado) que os anti-Cristo estejam tão descarados, afrontado os ungidos de Deus; por estarem conformados com ESSA VIDA DE PECADO QUE LEVAM. O que tenho a dizer é: Toda arma forjado contra Os Verdadeiros Servos de Deus, não prosperará.
    Não nos deixemos coagir por congecturas teológicas Diabólicas. Esforcemo-nos em pregar a VERDADE REVELADA E EXPLICITADA POR NOSSO SENHOR JESUS CRISTO HÁ MAIS DE DOIS MIL ANOS ATRÁS,ELA CONTINUA A MESMO INERANTE E INFALÍVEL. Quem quizer que vá pro INFERNO, pela escancarada e larga porta.

  7. Lamento que a questão da homossexualidade seja tema de opiniões e discussões acirradas em nosso meio, temos tanto que refletir a respeito de nossa identidade como nação ou povo eleito, só por esta demonstração descabida que parece um plebicito:-Somos favoaveis ou contra a causa gay, fico estarrecida…Por que??? A Bíblia já tem seu posicionamento absolutamente claro, em relação a este assunto. Cansei de vocês, também sou Historiadora e teóloga, e tenh que para mim a Bíblia é para ser obedecida e não discutida. Nota zero, iluminem mais este mundo e deixem o resto para a Revista Veja. Giovanna

  8. Lamentável. Taí uma revista que eu nunca vou ler. Se antes tinha dúvidas, agora tenho certeza. Ainda assino a revista Ultimato, mas no final da assinatura não vou renovar. Ninguém merece. Não li a defesa da mentirosa Dilma por Ariovaldo Ramos, mas quero achar isso. Dilma, que era mestra e doutora, agora, sabe-se, é uma charlatona. Se nisso ela mente, imagine o que vai fazer, se for eleita. E ainda vem um evangélico defender isso? Era só o que faltava.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s