A relevância da apologética no século XXI


A elitização do conhecimento sempre foi uma das armas da opressão, do totalitarismo e da ditadura. Este expediente é o mesmo para todas as formas de dominações, sejam elas políticas ou culturais, sejam elas trabalhistas ou religiosas. Os que monopolizam o conhecimento são seletivos na transmissão de informações e cuidam para que as pessoas só saibam aquilo que reforça ou apóia suas idéias. O próprio Senhor Jesus falou sobre isso (Mt 15.4-6; 23.1-4; Lc 11.52).

Leia o artigo completo no blog do Pr. César Moisés.

Anúncios

5 comentários em “A relevância da apologética no século XXI

  1. Caro Dr. Valmir Milomem

    Agradeço-lhe pelo apoio em divulgar nosso trabalho.

    Alegra-nos saber que existem pessoas – como você – dos nossos arraiais preocupadas e pensando em como contribuir para o crescimento do povo de Deus.

    Para usar a acepção de seu colega de profissão – o Dr. Phillip Johnson – vamos incorpar ainda mais o “movimento da cunha” (cosmovisão teísta, adeptos do projeto inteligente), pois quanto mais larga ela se tornar, a abertura na fenda do tronco (pensamento científico) será maior e consequentemente se tornará mais fácil adquirirmos o status científico.

    Só assim também (teremos um “lugar à mesa”) será possível contrariar o já falecido ator Christopher Reeve que, discursando a um grupo de alunos da Universidade de Yale, disse que quando “questões de política pública estão em debate, nenhuma religião deve ter um lugar à mesa”.

    Conte cosnosco, estamos juntos.

    Um grande abraço

  2. Pr. César Moisés.

    Não precisa nem agradecer. Quando o artigo é bom somos quase que obrigados a fazer a sua divulgação.

    Como disse no blog do Pr. Geremias do Couto, estamos percebendo uma pequena (mas real) mudança de paradigmas na liderança assembleiana. Alguns pensadores e escritores apresentam-se nesses últimos anos com uma visão plena do evangelho, e um desses escritores é o nobre irmão.

    Estamos ansiosos pelo obra que está escrevendo em parceria com o Pr. Geremias. Tenho certeza que ela será a primeira de várias outras que virão.

    Em Cristo

    Valmir

  3. Caro irmão Valmir, sou leitor assíduo de seu blog a algum tempo, mas só agora resolvi postar um comentário. Há alguns anos fui apresentado às obras de Francis Schaeffer por um grande amigo. Isto levou-me a uma transformação mental profunda que necessariamente influenciou toda a minha maneira de pensar e agir neste mundo. Remoí sozinho durante muito tempo todas as “descobertas” que havia feito através da leitura deste e outros grandes autores da mesma linha, mas recentemente tenho me alegrado muito em ver que há um movimento crescente, ainda que incipiente no Brasil, rumo à formação de uma cosmovisão legitimamente bíblica em meio aos seguidores de Cristo. Coloco este pequeno comentário apenas para assegurar-lhe que o irmão conta com a minha oração, meu incentivo para continuar nesta luta e, sempre que possível, com minhas opiniões e reflexões acerca de tão importantes assuntos. Que o Senhor continue te abençoando!!

    Pb. Rubens

  4. Prezado Pb. Rubens,

    Fico feliz em saber que temos mais um companheiro enfileirado na defesa da cosmovisão cristã. No Brasil, como você mesmo diz, esse movimento ainda é pequeno, mas acredito no surgimento de líderes evangélicos com essa mesma visão, e isso já acontece no nosso meio assembleiano, com o despontamento de pensadores como Geremias do Couto, César Moisés, Esdras Bentho, Silas Daniel, e outros ainda que não conhecemos mas que também atuam nessa seara. Penso que esse movimento é novo em virtude do recente lançamento de obras em português do Schaeffer, Lewis, Colson, Pearcey, McArthur, Guinnes, Cherteston, e outros. A partir dessas leituras iniciou-se um processo de multiplicação do cristianismo enquanto cosmovisão, envolvendo-se em todas as esferas da sociedade, e acredito que estamos nesse meio. Vale a pena acessar o blog do Geremias do Couto onde discorremos sobre esse assunto.

    No mais, agradeço pelo comentário, deixando o espaço aberto para que volte sempre e compartilhe conosco as idéias e opiniões.

    Att.

    Valmir

  5. Caro Valmir,

    na próxima Escola Bíblica Dominical de nossas AD’s estará sendo estudado o tema “Resistindo aos Apelos do Mundanismo”. Trata-se de um confronto direto da cosmovisão mundana com a cosmovisão cristã. Como você assinalou, o assunto está sendo trazido à tona de uma maneira ou de outra pelos nossos líderes e eu agradeço ao Senhor por isso. Sinceramente acredito que o zelo assembleiano pela santidade pessoal associada a uma consciência despertada pode levar a uma verdadeira revolução cristã na família, na igreja e na sociedade. Zelo e entendimento formam uma mistura poderosa quando incendiada pela unção de Deus!!

    Um abração,

    Rubens

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s