VERDADE


Podemos construí-la ou ela é uma Revelação Divina?

Por Marcos Antônio Guimarães

A compreensão relativista do mundo, diz que a verdade é resultado da situação, do relacionamento, da cultura e do período histórico que o indivíduo está inserido. Sendo assim, o pensamento relativista afirma que cada indivíduo constrói sua própria verdade.

Um diálogo acerca da verdade
Um autor desconhecido parafraseou habilmente um suposto diálogo acerca da verdade entre a filosofia relativista de Protágoras e a filosofia de Sócrates, e demonstra que o anseio de construir a própria verdade já palpitava desde a Antigüidade clássica na Grécia:

Protágoras: A verdade é relativa. É somente uma questão de opinião.
Sócrates: Você quer dizer que a verdade é mera opinião subjetiva?
Protágoras: Exatamente. O que é verdade para você, é verdade para você, e o que é verdade para mim, é verdade para mim. A verdade é subjetiva.
Sócrates: Você quer dizer realmente isso? Que minha opinião é verdadeira em virtude de ser minha opinião?
Protágoras: Sem dúvida!
Sócrates: Minha opinião é: A verdade é absoluta, não opinião, e que você, Sr. Protágoras, está absolutamente em erro. Visto que é minha opinião, então você deve conceder que ela é verdadeira segundo a sua filosofia.
Protágoras: Você está absolutamente correto, Sócrates.

A construção da própria verdade despreza os valores morais
A revista Veja noticiou em entrevista recente com um autor de novelas, que os brasileiros não estão interessados em novelas que valorizem aspectos morais. Mas interessam-se por cenas de adultérios, valorização da temática homossexual, violência e pornografia. Os filmes que geram as maiores bilheterias parecem atender exatamente a mesma demanda, a mesma fome de imoralidade e perversão.

Segundo o escritor Philip Yancey, só nos Estados Unidos mais de 2 milhões de adolescentes praticam aborto anualmente em clínicas financiadas pelo governo. Segundo a revista Época em matéria recente o número de mulheres infectadas pelo vírus da AIDS aumentou assustadoramente nos últimos anos.

Estas circunstâncias mostram o quanto valores e princípios morais fundamentais para o fortalecimento da sociedade estão sendo relegados à um passado distante.

Verdade: uma revelação Divina
A verdade é associada na Bíblia à gentileza, à sinceridade, fidelidade, fé e convicção, a fim de expressar o aspecto moral. A palavra grega Alétheia, sugere que alguma coisa tenha sido descoberta, revelada, segundo a sua verdadeira natureza, dando a idéia daquilo que é real e genuíno, em contraposição com o que é imaginário ou espúrio, ou ainda, aquilo que é veraz, em contraposição com o que é falso.

Em contraste com o conhecimento de um historiador, que depende de pesquisas do passado distante, a busca pela verdade depende da revelação. A revelação depende do interesse de Deus pelo mundo, e é evidência do mesmo, e a encontramos nas escrituras sagradas.

O indivíduo começa a construir a sua verdade, quando rejeita a Verdade revelada nas escrituras sagradas. Charles Colson escritor cristão americano, afirma que as pessoas são agentes morais genuínos, e fazem escolhas morais reais, sendo assim, as ações são resultados das escolhas morais de cada um, e estas escolhas são reafirmadas pelo senso de certo e errado que as pessoas possuem.

A Verdade, portanto, não é uma questão de construção, e sim de revelação. Desta forma, compreendemos que Deus é o Deus da verdade, Cristo é a verdade de Deus revelada ao mundo, e o Espírito Santo é o Espírito da verdade que nos guia por meio da sua Palavra.

Referências:
CHAMPLIN, R. N. Enciclopédia de Bíblia Teologia e Filosofia. 7ª ed. São Paulo: Hagnos, 2004.
COLSON, Charles & PEARCEY, Nancy. E agora, como viveremos? Rio de Janeiro: CPAD, 2000.
MARTHE, Marcelo. A moral esta torta. Revista Veja. 21 Junho de 2006. Disponível em: http://veja.abril.com.br/210606/entrevista.html. Acesso em 13/10/2006.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s